Evangelho segundo o Espiritismo: 5 sábias mensagens

O livro O Evangelho segundo o Espiritismo é daquelas leituras que acompanham os espíritas em toda a jornada na doutrina.

Quem já é mais experiente no assunto, sabe que a obra de Kardec tem ensinamentos valiosos e que sustentam todas as nossas boas ações que devem ser praticadas aqui na Terra.

Os recém-chegados no Espiritismo ou os simpatizantes da doutrina, talvez, ainda não tenham a dimensão do que este livro de consolações e orientações representa.

Por isso, neste artigo, reunimos as principais ideias sobre ele.

Não deixe de acompanhar até o final.

Evangelho segundo o Espiritismo (Allan Kardec)

O Evangelho segundo o Espiritismo é uma das cinco obras que compõem a codificação da Doutrina Espírita que reúne os ensinamentos dos Espíritos por intermédio de médiuns de vários lugares do mundo e codificada por Allan Kardec.

Baseada em instruções de Espíritos superiores, o livro reflete o código divino.

Ao longo das páginas, Kardec explica as Leis Morais de Cristo e convida os leitores a vivenciá-las.

É, portanto, um livro de cabeceira para todos aqueles que se interessam pelo Espiritismo e desejam praticar os ensinamentos do Evangelho no dia a dia.

 

Como ler o Evangelho segundo o Espiritismo?

O Evangelho segundo o Espiritismo é uma obra de apoio da Doutrina Espírita.

Sendo assim, é leitura obrigatória para os espíritas e para quem deseja conhecer mais sobre a Doutrina Espírita

Nesse sentido, o livro pode ser lido de uma só vez para a compreensão dos ensinamentos cristãos sob à luz do Espiritismo.

Além disso, O Evangelho segundo o Espiritismo é um livro capaz de fortalecer o aprendizado diário.

Por essa razão, serve de recurso para a prática do Evangelho no Lar.

Neste caso, a leitura é gradativa, com pequenos trechos de cada vez.

O Evangelho segundo o Espiritismo contém toda a sabedoria de Jesus expressada em suas parábolas, é a forma como ele se comunicava com seus apóstolos para fixar o entendimento da profundeza de seus ensinos.

A beleza de cada uma das histórias relatadas por o Mestre Jesus é ao mesmo tempo um relato para refletir e terapia para a alma porque abordam todas as problemáticas humanas.

Ninguém fica livre da dor ou sofrimento, o ser humano em sua fragilidade tem dificuldade para perdoar e não reagir.

Com a sabedoria e bondade do Mestre que colocava suas palavras ao nível que qualquer um possa compreender, sem deixar a ninguém fora do Reino dos Céus.

Estudo do Evangelho segundo o Espiritismo – online

Os cursos online tiveram grande crescimento nos últimos anos, e ainda mais desde o início da pandemia. E os estudos da Doutrina Espírita também acompanharam o avanço tecnológico.

Diversos centros espíritas promovem os ensinamentos por meio da Internet.

Além disso, a tecnologia também permite que o aprendizado seja independente.

Os recursos digitais simplificam o acesso à informação e auxiliam os estudos em diferentes formas e lugares.

O próprio livro O Evangelho segundo o Espiritismo pode ser facilmente encontrado no formato digital.

Uma grande vantagem é que podemos encontrar muitas informações sobre a Doutrina Espírita no formato online, uma das plataformas que contém ótimas informações como: palestras, vídeo aulas e seminários é EspiritismoPLAY, um aplicativo desenvolvido pela Mansão do Caminho para arrecadar fundos que servem para ajudar na sua grande obra de caridade que assiste aos mais necessitados.

Trechos interessantes de O Evangelho segundo o Espiritismo

Para quem ainda está descobrindo a Doutrina Espírita e não sabe o que vai encontrar no livro, aqui vão algumas mensagens de O Evangelho segundo o Espiritismo para despertar o interesse na leitura:

1. Capítulo I – Não vim destruir a lei

Assim como o Cristo disse: “Não vim destruir a lei, porém cumpri-la”, também o Espiritismo diz: “Não venho destruir a lei cristã, mas dar-lhe execução.” Nada ensina em contrário ao que ensinou o Cristo; mas, desenvolve, completa e explica, em termos claros e para toda gente, o que foi dito apenas sob forma alegórica. Vem cumprir, nos tempos preditos, o que o Cristo anunciou e preparar a realização das coisas futuras. Ele é, pois, obra do Cristo, que preside, conforme igualmente o anunciou, à regeneração que se opera e prepara o reino de Deus na Terra.

2. Capítulo VI – O Cristo Consolador

Jesus promete outro consolador: o Espírito de Verdade, que o mundo ainda não conhece, por não estar maduro para o compreender, consolador que o Pai enviará para ensinar todas as coisas e para relembrar o que o Cristo há dito. Se, portanto, o Espírito de Verdade tinha de vir mais tarde ensinar todas as coisas, é que o Cristo não dissera tudo; se ele vem relembrar o que o Cristo disse, é que o que este disse foi esquecido ou mal compreendido.

O Espiritismo vem, na época predita, cumprir a promessa do Cristo: preside ao seu advento o Espírito de Verdade. Ele chama os homens à observância da lei; ensina todas as coisas fazendo compreender o que Jesus só disse por parábolas. Advertiu o Cristo: “Ouçam os que têm ouvidos para ouvir.” O Espiritismo vem abrir os olhos e os ouvidos, porquanto fala sem figuras, nem alegorias; levanta o véu intencionalmente lançado sobre certos mistérios. Vem, finalmente, trazer a consolação suprema aos deserdados da Terra e a todos os que sofrem, atribuindo causa justa e fim útil a todas as dores.

3. Capítulo XV – Fora da caridade não há salvação

Meus filhos, na máxima: Fora da caridade não há salvação, estão encerrados os destinos dos homens, na Terra e no Céu; na Terra, porque à sombra desse estandarte eles viverão em paz; no Céu, porque os que a houverem praticado acharão graças diante do Senhor. Essa divisa é o facho celeste, a luminosa coluna que guia o homem no deserto da vida, encaminhando-o para a Terra da Promissão. Ela brilha no Céu, como auréola santa, na fronte dos eleitos, e, na Terra, se acha gravada no coração daqueles a quem Jesus dirá: Passai à direita, benditos de meu Pai. Reconhecê-los-eis pelo perfume de caridade que espalham em torno de si. Nada exprime com mais exatidão o pensamento de Jesus, nada resume tão bem os deveres do homem, como essa máxima de ordem divina. Não poderia o Espiritismo provar melhor a sua origem, do que apresentando-a como regra, por isso que é um reflexo do mais puro Cristianismo. Levando-a por guia, nunca o homem se transviará. Dedicai-vos, assim, meus amigos, a perscrutar-lhe o sentido profundo e as conseqüências, a descobrir-lhe, por vós mesmos, todas as aplicações. Submetei todas as vossas ações ao governo da caridade e a consciência vos responderá. Não só ela evitará que pratiqueis o mal, como também fará que pratiqueis o bem, porquanto uma virtude negativa não basta: é necessária uma virtude ativa. Para fazer-se o bem, mister sempre se torna a ação da vontade; para se não praticar o mal, basta as mais das vezes a inércia e a despreocupação.

4. Capítulo XXVI – Dai gratuitamente o que gratuitamente recebestes

“Dai gratuitamente o que gratuitamente haveis recebido”, diz Jesus a seus discípulos. Com essa recomendação, prescreve que ninguém se faça pagar daquilo por que nada pagou. Ora, o que eles haviam recebido gratuitamente era a faculdade de curar os doentes e de expulsar os demônios, isto é, os maus Espíritos. Esse dom Deus lhes dera gratuitamente, para alívio dos que sofrem e como meio de propagação da fé; Jesus, pois, recomendava-lhes que não fizessem dele objeto de comércio, nem de especulação, nem meio de vida.

5. Capítulo XXVII – Pedi e obtereis

Está no pensamento o poder da prece, que por nada depende nem das palavras, nem do lugar, nem do momento em que seja feita. Pode-se, portanto, orar em toda parte e a qualquer hora, a sós ou em comum. A influência do lugar ou do tempo só se faz sentir nas circunstâncias que favoreçam o recolhimento. A prece em comum tem ação mais poderosa, quando todos os que oram se associam de coração a um mesmo pensamento e colimam o mesmo objetivo, porquanto é como se muitos clamassem juntos e em uníssono.

Evangelho segundo o Espiritismo: Preces

As preces são projeções de pensamentos e expressões de sentimentos que alcançam Deus.

Fazê-las, portanto, é uma forma de atrair os bons espíritos.

No livro O Evangelho segundo o Espiritismo, Kardec reúne uma coletânea de preces espíritas, divididas em cinco categorias: preces gerais, preces para si mesmo, preces pelos vivos, preces pelos mortos e preces especiais para os doentes e os obsidiados.

 

Evangelho segundo o Espiritismo em PDF

Se você leu alguns tópicos acima, sobre o estudo de O Evangelho segundo o Espiritismo online, viu que comentamos sobre a facilidade do acesso ao material digital, certo?

Aqui mesmo, nós disponibilizaremos o conteúdo do livro eletrônico.

Faça o download gratuito do arquivo em PDF!

 

Livro impresso O Evangelho segundo o Espiritismo

Há quem prefira o bom e velho livro impresso.

E algumas obras, como O Evangelho segundo o Espiritismo – que é uma leitura inseparável -, vale a pena ter sempre à mão.

Se você concorda, compre agora o livro O Evangelho segundo o Espiritismo!

 

Conclusão

Como vimos neste artigo, O Evangelho segundo o Espiritismo é uma das obras fundamentais da Doutrina Espírita.
Ele traz os ensinamentos de Cristo pela interpretação dos Espíritos.
Sendo assim, é um livro imprescindível para todos!

Gostou deste artigo sobre O Evangelho segundo o Espiritismo? Então, aproveite o espaço ao final do texto para escrever o seu comentário.
Tem outro tema que gostaria de ver por aqui? Faça uma sugestão de assunto para a nossa equipe pelo formulário de contato.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *